Perspectiva

Perspectivas

Visão de futuro

A conjuntura econômica do país em 2019 foi marcada por um crescimento tímido, ainda sob o efeito da nova política governamental e econômica. Somado a isso, tivemos internamente um ano atípico no transporte de minério de ferro, decorrente do evento em Brumadinho (MG) e suas posteriores consequências. Apesar desse cenário, a MRS terminou o ano com indicadores de alavancagem melhores do que 2018, frutos da flexibilidade operacional, saúde financeira e dos instrumentos contratuais de longo prazo firmados com os clientes.

Nesse contexto, é relevante destacar uma recuperação da produção de minério mais otimista que o cenário inicialmente previsto e a perspectiva positiva de retomada da produção para os próximos anos. Nesse sentido, a MRS vem intensificando o foco em eficiência de custos, otimização na utilização de ativos e maximização de investimentos, sem comprometer sua sustentabilidade a curto, médio e longo prazos e, principalmente, buscando manter os mais elevados padrões de segurança.

Na carga geral, a companhia mantém o posicionamento de crescimento e aumento de sua participação relativa nos resultados gerais. Isso fica evidente nos resultados dos principais segmentos, como construção civil, siderurgia e contêineres, além dos fluxos de intercâmbio com outras ferrovias.

Ao longo de 2019, foram realizadas as sessões da Audiência Pública referente ao processo de renovação antecipada do Contrato de Concessão da MRS, etapa esta necessária e antecedente à assinatura contratual. O processo de renovação antecipada da atual concessão, que vem sendo conduzido pela ANTT e apresentado significativos avanços, abre perspectivas para novos investimentos estruturantes para a MRS.